Medalha de Ouro a Oriente – AWT

O Quinta Vale d’Aldeia Grande Reserva Tinto 2019 foi mais uma vez reconhecido pela sua qualidade, desta vez a Oriente, no concurso Asia Wine Trophy.

Com mais de 4300 vinhos submetidos, o Asia Wine Trophy destaca-se como a maior competição a Oriente. No quadro de avaliação, encontram-se juízes de todos os principais países importadores do continente asiático, que todos os anos apelidam de qualidade e implementação inigualáveis na Ásia.

Sonantes 93 pontos

Quinta Vale d’Aldeia Grande Reserva Tinto 2019 com nova pontuação.

93 pontos foram atribuidos pelos críticos da Wine Enthusiast ao vinho de excelência da Quinta Vale d’Aldeia.

Uma re-edição da atribuição de pontos.

Estruturado, elegante, com boa acidez e taninos aveludados, o Grande Reserva Tinto provou e solidificou a pontuação previamente atribuida por Robert Parker, sendo no momento os críticos da Wine Enthusiast a darem reconhecimento ao mesmo.

Para o enólogo José Reverendo Conceição, a atribuição deste formato de pontuação traduz o potencial de toda a estrutura da Quinta Vale d’Aldeia, projeto familiar na localidade de Mêda. Com vinhas datadas a 2004 – onde cada ano o seu envelhecimento se traduz na qualidade do generoso obtido, a estrutura da adega – estrutura recente, com data de 2009, onde todos os equipamentos são de tecnologia de ponta, e o terroir aliciado ao microclima da região do Douro Superior, permitem personificar um sonho em realidade, com uma visão positiva sobre o futuro dos vinhos produzidos na Adega da Quinta Vale d’Aldeia.

Grande Reserva Branco com 91 pontos

Com aroma intenso a frutos tropicais maduros e notas de madeira, o Quinta Vale d’Aldeia Grande Reserva Branco 2020 revela a cada dia a sua complexidade e perfil junto dos críticos.

Previamente com a obtenção de 90 pontos Robert Parker, este vinho recebeu nova crítica junto dos especialistas da revista Wine Enthusiast, classificada como uma das maiores e subestimadas páginas de criticos de vinhos.

91 Pontos Wine Enthusiast. 

Este reconhecimento, entusiasma todo o corpo laboral da Quinta Vale d’Aldeia que ano após ano aplica melhorias constantes no processo de vinificação.

93 pontos atribuidos ao Blend Grande Reserva Tinto 2019

Quinta Vale d’Aldeia Grande Reserva Tinto 2019 com um digno destaque de 93 pontos na mais aclamada revista de vinhos mundial, The Wine Advocate – Robert Parker.

Atualmente a revista “The Wine Advocate” conta com mais de cinquenta mil assinantes espalhados por mais 35 países e inspira a decisão de muitos compradores e peritos de vinhos ao redor do mundo, sendo ainda, o único escritor e crítico de vinhos condecorado por governos de países que são grandes produtores de vinhos: a França e a Itália.

Na avaliação deste blend consta a seguinte critica:

“The oak is a bit annoying at the outset, a little too prominent, and imparting too much vanilla. The rest, though, is impressive. Focused, tightly wound, and reasonably concentrated, this has the balance to age well. The mid-palate finesse. is admirable for the style. It is powerful and too young just now, not to mention too laced with vanilla, but this looks promising. It might be the best wine I’ve seen yet from this winery. You are going to need to be patient, however. This will require a few years of cellaring to round into form. Let’s start here and take in stages. It has. some things to prove too.”

 

Este reconhecimento personifica o trabalho realizado desde as vinhas até à adega, premiando todo corpo empresarial que esta. companhia detém.

Para o Enólogo José Reverendo Conceição, a elaboração deste perfil de vinhos é o que lhe dá mais gozo na hora de olhar para todo o trabalho realizado. Sendo as alterações climáticas um problema de hoje e do futuro, e a incerteza na qualidade das produções, o maior desafio passa pelo acompanhamento regular das vinhas e a procura por soluções cada ve mais sustentáveis. Na adega, após as colheitas o desafio passa por alinhar os perfis e limar as arrestas de todos os vinhos em busca de obter sempre algo melhor, qualidade.

90 pontos Robert Parker, Grande Reserva Branco 2020

Quinta Vale d’Aldeia Grande Reserva Branco 2020 com um digno destaque de 90 pontos na mais aclamada revista de vinhos mundial, The Wine Advocate – Robert Parker.

Atualmente a revista “The Wine Advocate” conta com mais de cinquenta mil assinantes espalhados por mais 35 países e inspira a decisão de muitos compradores e peritos de vinhos ao redor do mundo, sendo ainda, o único escritor e crítico de vinhos condecorado por governos de países que são grandes produtores de vinhos: a França e a Itália.

 

Na avaliação deste blend consta a seguinte critica:

“Um toque de lima leva a isto.  Depois, resolve-se num vinho brilhante e vivo, cuja acidez eleva lindamente a fruta. É fresco e um pouco picante, elegante e preciso. Há tensão no final, pois demonstra alguma pujança e exibe um pouco de potência. No geral, este tem um comportamento algo invulgar para um Grande Reserva, baseando-se na sobriedade e frescura em vez de madeira e profundidade. Tem uma sensação mais clássica de “vinho fresco”, e isso é uma coisa agradável. Será interessante ver como envelhece e evolui. Deve aguentar-se bem durante o resto da década, pelo menos.”

 

Para o Enólogo José Reverendo Conceição, trata-se de um destaque já merecido pela critica Nacional e Internacional. Após sucessivas premiações dos vinhos Tintos, os vinhos brancos da Quinta Vale d’Aldeia emergem neste segmento.

Grande Reserva Tinto 2019 medalhado com Ouro

Quinta Vale d’Aldeia Grande Reserva Tinto 2019 recebeu a medalha de ouro no concurso Mundus Vini 2022. Trata-se do mais importante concurso internacional de vinhos realizado na Alemanha e um dos mais importantes e concorridos a nível mundial.

QVDA Reserva Tinto premiado no Concours Mondial de Bruxelles

O Quinta Vale D’Aldeia Reserva Tinto, conquistou medalha de Ouro na edição 2022 do Concours Mondial de Bruxelles.

O concurso Mundial de Bruxelas tem como principal ambição oferecer aos consumidores uma garantia : distinguir vinhos de qualidade, verdadeiros prazeres de consumo e de degustação provenientes dos 4 cantos do mundo e dentro de todas as gamas de preços.

O vinho premiado é composto por Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Roriz, Sousão e Tinta Amarela das nossas melhores parcelas situadas na região de Meda no Douro Superior a cerca de 450 metros de altitude.

Em prova, distingue-se pela cor vermelha purpura carregada, apresentado-se muito concentrado no nariz com aroma a frutos vermelhos bem maduros, cacau e especiarias integrados com notas de madeira. Na boca é elegante com boa acidez e taninos aveludados resultando num vinho estruturado e harmonioso.

Pode consultar todos os resultados em: www.concoursmondial.com

 

 

Melhor vinho português não fortificado com 96 pontos. Grande Reserva Tinto 2019

A colheita de 2019 deste vinho somou 96 pontos no International Wine Challenge 2022,  o que equivale à Medalha de Ouro. “O Quinta Vale D´Aldeia Grande Reserva Tinto nasce da vontade de criar um vinho de excelência, criativo e que revele toda a autenticidade do terroir do Douro Superior e das vinhas de altitude”, explica José Reverendo Conceição.

 

A nota de prova do IWC 2022 que deu ao Quinta Vale D´Aldeia Grande Reserva Tinto 2019 a Medalha de Ouro refere: “Intenso e encorpado tinto do Douro com aromas a fruta bem estruturada, alcaçuz e alcatrão. Taninos fortes mas também discretos, com qualidade mas bem integrados com um sabor de amora preta, figo preto, especiarias e mineralidade..”.

Dos diversos vinhos em prova, destaca-se entre a região mais antiga de Portugal (Douro) com 96 pontos, foi o melhor vinho não fortificado em concurso da edição de 2022.

 

Xaino Selection conquista Ouro em concurso Português

Xaino, o termo popular utilizado no Século XIV para descrever a palavra vinho, foi galardoado com a medalha de Ouro no concurso Português, Concurso de Vinhos de Portugal ( Wines of Portugal).

O presente blend (colheita 2019) ganha assim nova distinção, onde prevalece na boca a boa acidez e taninos aveludados, resultando num vinho estruturado e harmonioso. Apresenta-se de cor vermelha púrpura carregada e muito concentrado no nariz com aroma a frutos vermelhos bem maduros, cacau e especiarias integrados com notas de madeira.

Para atingir uma boa maturação, o vinho estagiou 14 meses em barricas de Carvalho Francês. Destaca-se pela elevada elegância e poder de envelhecimento.

Um vinho que enriquece todas as mesas a um preço/qualidade tentadores.